Saiba como evitar o Stress

Sintomas do Stress

O stress surge como uma resposta do organismo para se defender. No entanto, quando persiste durante muito tempo, pode dar origem a diversos sintomas físicos e psicológicos.

Em situações de stress o organismo liberta uma quantidade excessiva de adrenalina e catecolaminas. É esta libertação de hormonas que provoca diferentes reações no corpo humano, entendidas como sendo sintomas de stress.

Sintomas físicos do stress

  • aumento da frequência cardíaca
  • aumento da tensão arterial
  • aumento dos níveis de açúcares e gordura no sangue
  • insónias
  • dor de costas, de cabeça ou tensão no pescoço
  • transtornos gastrointestinais (especialmente dores de estômago)
  • cansaço excessivo
  • sensação de falta de ar

Sintomas emocionais e cognitivos do stress

  • depressão
  • ansiedade
  • pensamentos negativos recorrentes
  • irritabilidade excessiva
  • sensação de falta de controlo
  • dificuldades de concentração, de memória, de aprendizagem e de decisão

A melhor forma de não se estressar com as coisas boas, é saber lidar com elas. “Planejar, saber dinamizar as coisas é o melhor jeito de evitar o estresse” recomenda a psicóloga Tania Valiati. Segundo a doutora, é importante se organizar, marcar horários para fazer as coisas e algumas vezes reservar um tempo livre para descansar.

No trabalho, procure quebrar o ambiente maçante. Colocar uma planta na sua mesa ou fotos de pessoas queridas ajudam muito. Quando o serviço estiver muito corrido, procure reservar um tempo para descansar, nem que seja só um pouquinho.

Uma opção é escutar música, mas isso pode variar muito de pessoa para pessoa. “Cada pessoa tem que saber que tipo de música é melhor para ela” lembra a psicóloga. Para pessoas que adoram dançar, escutar música clássica pode deixá-las mais nervosas. Nesses casos o melhor pode ser sair para se divertir. Para outras pessoas, a recomendação pode ser escutar jazz, rock ou até mesmo um samba.

Ao sair do trabalho, o importante é pensar em outras coisas, aliviar a cabeça. As opções podem ser desde sair com os amigos, dar um passeio, até tomar um banho relaxante ou ler um livro. Cada pessoa deve procurar a sua forma de aliviar a rotina. Nos casos mais graves, procurar ajuda de um psicólogo pode ser uma solução.

Coisas boas também estressam

Quando se fala em estresse, as pessoas logo o associam a coisas ruins, como excesso de trabalho, problemas ou barulho. Mas a verdade é que coisas que são boas também estressam. Viagens, promoções ou até mesmo férias podem ser estressantes.

Isso ocorre quando não conseguimos planejar ou administrar bem as coisas. “O estresse é uma defesa do organismo para condições do ambiente”. Segundo a dra, o estresse “é prejudicial quando a gente não consegue lidar com as coisas que acontecem”.

Um exemplo desse tipo de estresse pode ser uma promoção do trabalho. A pessoa começa a ficar tão ansiosa pela promoção, que isso pode acabar estressando. Se a promoção demora para chegar, ou se ela chega mas traz mais responsabilidades que o esperado, pode ser prejudicial.

Outro exemplo são as viagens. “É muito comum as pessoas se estressarem por causa de viagens” comenta Dra Tania. Segundo a doutora, alguém pode estar tão ansioso por uma viagem que acaba não se preparando e, quando finalmente chega o momento de viajar, ele não consegue curtir, de tão nervoso. “Outro caso é quando se quer aproveitar ao máximo o passeio”, diz ela, “Fica-se tão ocupado tentando ver o máximo de coisas e não perder nada, que acaba-se não comendo, não se alimentando direito” completa.

Um casamento, que é uma ocasião especial, pode acabar se transformando num transtorno para o casal. Desejando fazer uma grande cerimônia os noivos podem se desgastar na organização. Algumas vezes, é mais aconselhável fazer uma coisa mais simples, e aproveitar o casamento.

Qualquer alteração, enfim,  da rotina pode estressar alguém, se não souber lidar com a situação. A recomendação é planejar e se organizar. Para as coisas boas também.

Como saber se você se estressa com coisas boas

Se, ao tentar sair da rotina, você apresenta algumas das reações abaixo, tome cuidado, você pode estar se desgastando com coisas que deveria aproveitar.

Ao viajar:

  • Você fica eufórico, não pode ver a hora de sair, de forma que não consegue fazer nada, nem planejar a viagem.
  • Você quer fazer de tudo, não quer perder nada, quer ver tudo, experimentar de tudo sem ter tempo de descansar.
  • Fica pensando que tudo vai dar errado, que vai perder o trem, que vai chover, que não vai conseguir aproveitar o passeio.
  • Não pára de pensar em coisas que deveria ter feito antes de viajar.
  • Fica preocupado se os filhos/parentes estão bem, se estão conseguindo se virar sozinhos.
  • Você não pára de pensar no trabalho, fica pensando nas coisas que deveria ter feito.

Ao receber uma promoção:

  • Você não vê a hora da promoção chegar e, se ela atrasa, você fica preocupado, imaginando o que pode ter acontecido.
  • Não consegue organizar suas novas prioridades ou responsabilidades.

Ao organizar um evento:

  • Fica ansioso, não vê a hora do evento chegar.
  • Fica preocupado com os mínimos detalhes, se desespera se alguma coisinha sai errado.
  • Tenta organizar uma coisa grande demais, mas no final são tantos detalhes que o evento não é aproveitado.

O que fazer para aproveitar as coisas sem se estressar:

  • Planeje bem seu tempo.
  • Organize e determine de forma clara suas prioridades.
  • Não se valorize ou desvalorize demais. Procure certificar se tudo estará bem na sua ausência.
  • Não deixe coisas por fazer ao tirar férias ou viajar.
  • Tenha consciência de suas capacidades, não ultrapasse seus limites.

 

tania valiati

Minha vida foi uma eterna busca. Acredito muito que a vida é missionária e você já vem com um propósito. Penso que enquanto você não encontrar seu propósito de alma, você não sossega. "Tânia Regina Valiati"

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *